Relato de gravidez: 29 semanas

Mas gente, e essas semanas que não param de passar? Até me assusto com a velocidade das coisas, da barriga crescendo, com a força dos chutes que eu levo…

Essa semana tivemos consulta com o obstetra, e tudo perfeitinho! Engordei menos no último mês do que nos anteriores (já estava suando frio imaginando qual seria o resultado da balança) e a minha intenção é não passar de mais 4 ou 5kg até o final. Vamos ver como as coisas caminham, né? Porque pareço ter um buraco negro no lugar do estômago! Haja pão integral, aveia, frutinhas – porém em quantidades! Tenho tentado focar na alimentação mais correta, mas as noites tem sido difíceis: não sei se é porque tenho companhia pra comer, ou se pela mania de beliscar enquanto assisto TV com o marido… Se deixar, eu não paro de comer depois das 18h até ir dormir.

Inclusive caí na risada esses dias vendo “sugestões de cardápios para gestantes”. Me conta como é que uma grávida em pleno terceiro trimestre consegue passar a tarde toda, entre almoço e janta, comendo duas torradinhas ou três biscoitinhos? E olha que eu tomo bastante água, então não estou confundindo sede com fome, não. Certeza que quem bolou esses cardápios nunca engravidou, só pode.

Enquanto escrevo esse post, estão ali no quarto da Helena montando o armário o/ A marcenaria conseguiu adiantar e entregar 10 dias antes do prazo solicitado, uhuhuhu! Agora é limpar bem, deixar arejar (pra sair aquele cheiro de madeira nova) e começar a lavar as roupinhas, comprar o que falta… Que delícia, que delícia, que delícia!

O cansaço (que já tinha dado as caras) parece apertar cada dia mais um pouco; não dá pra abusar senão fico imprestável. Então tenho procurado distribuir bem as atividades ao longo da semana, fujo de muitos compromissos não tão necessários… E assim vamos esperando que família e amigos compreendam =) Não é uma necessidade de repouso, gravidez não é doença… Mas nesse momento a gente precisa pensar no meu bem estar. Não dá pra querer fazer tudo, eu não aguento o mesmo ritmo de antes – temos que respeitar meu corpo e minhas necessidades, né?

Ah, e de ontem pra hoje tenho sentido umas fisgadas bem doloridas no baixo ventre. A princípio achei que era sinal de cansaço (me empolguei na hora do almoço e fui picar/preparar frutas e legumes pra semana inteira, fiquei bastante tempo em pé) e parei com o trabalho mais cedo. Fiquei deitadinha, relaxando, mas nada do incômodo desaparecer. Eu me mexia e sentia fisgadas! Mas Helena continuou mexendo bem, nada de contrações ou coisa assim. Fui monitorando, tomei um Buscopan, dormi. E hoje de manhã? A mesma dorzinha chata.

Claro que mandei mensagem pro GO que, fofo e querido como sempre, me tranquilizou. Disse que sabe que incomoda mesmo, mas que é normal e eu não preciso me preocupar =) Então vamos lidando, né? Se é normal a gente supera 😉

Último tópico: doula. Tou querendo contratar a minha instrutora de yoga mesmo – sabe quando o santo bate? E fora que já rola um ~acompanhamento~ duas vezes por semana. Ai, as aulas são tão incríveis! A gente sempre papeia um pouquinho sobre parto, nossas dúvidas, angústias e expectativas antes da prática em si. É o tipo de compromisso que só me faz bem – para corpo e mente. Recomendo!

Advertisements

2 thoughts on “Relato de gravidez: 29 semanas

  1. Olá Nina, realmente as semanas não passam, elas voam, parece que foi ontem que meu positivo chegou e já estou de 30 semanas, te entendo bem…
    O cantinho de nossa Livia também já esta ganhando vida e o guarda roupas dela que era a ultima coisa que faltava chegar, chegou com 28 dias de antecedência, graças a Deus, porque o tempo ficaria mega apertado, na próxima semana já esta agendada a montagem e já podemos começar a lavar roupinhas eba!!!
    Ah concordo plenamente, estas dietas de gravidas não condiz com minha fome kkkkk, faminta que já era, estou ainda mais aguçada devoro até nas madrugadas, bom demais kkkk, até aqui 7.800 quilos a mais, porém pretendo engordar no máximo mais 3, será que consigo rsrs**…
    E por aqui são presentes dores na parte baixa da barriga desde os 5 meses, elas somem, depois voltam, mas nada que se preocupar, são as mudanças do corpo perante a gestação e o peso a mais, contrações de braxton hicks, são cada dia mais presentes e as dores nas costas começam timidamente a surgir após longos esforços, mas tem sido experiencias excelentes e tenho descasado bastante, já que sempre levei uma vida muita pacata rsrs.
    Adorei te ler, você dividiu comigo momentos tão parecido com os menus, por isto do meu logo comentário rsrs***… Beijos flor!

    Like

    • Ni, que delícia saber que alguém sente o mesmo que eu, rs! Boa sorte aí na montagem do quarto – aqui o armário está liberado já, mas é tanta chuva nessa cidade que não posso nem pensar em começar a lavar as roupinhas. Não quero colocar tudo na secadora já na primeira lavagem, e secar na chuva deixa as peças com cheiro de cachorro molhado, hahaha!
      Um beijo!

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s